sábado, 5 de janeiro de 2013

Des(ordens) (des)obedecidas.


Quando dizem “anda!” – eu planto,
quando dizem “vai!” – eu raiz,
quando dizem “agora!” - eu mato,
quando dizem "obedece!" - eu vivo,
quando dizem “leva!” - eu largo,
quando dizem “louco!” – eu rio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário